Postado por: Sora 11 de julho de 2014

Heey! Trago-vos aqui uma nova fic da autora Maychan que nos deu premissão para a postar aqui no blog. É uma fic muito fofinha e divertida, leiam que vale a pena xD
A fic também está postada no animespirit e no forum do akb48friends.

Autor(a): Maychan

Restrição: 14
Couple: Kojiyuu, Atsumina, Saeyaka, Tomotomo, Marimii
Gêneros: Comédia, Festa, Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yuri
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade

Resumo: Olá, me chamo Kojima Haruna, do grupo AKB48. Eu estava muito acostumada a ter um esquilo pendurado nos meus ombros, mas desde que ela se graduou, parece que tudo nesse grupo mudou. Não tem mais uma pessoa pequena que conversa animada e sorridente no vestiário, que consegue tirar um sorriso de qualquer pessoa, que fica dançando pelada no vestiário e deixa as novatas envergonhadas, ou então que tenta ficar me beijando e me agarrado (a não ser a Jurina, né!). Hoje, depois de um tempo, vou poder me encontrar com ela, junto com as outras graduadas e, sinceramente? Nunca senti tanta falta de um esquilo!

N/A: Minha primeira fic sobre AKB48, e decidi fazer sobre meu casal favorito: Kojiyuu!!
Espero que gostem! o/


Gata e Esquilo
Cap 1 - Meu Esquilo

(Haruna on)

Há quanto tempo que não faço gravações no AKBINGO! Mas, depois dessa, tenho certeza que não vou fazer outra tão cedo, desde quando que queimada é um jogo de vida ou morte? Nas duas gravações que fizemos, na primeira tive que comer uma larva frita, e na segunda fiquei cheia de farinha, só porque não consegui fazer o diretor rir, que aliás, depois que caiu farinha que ele riu!

Bom, mas apesar de tudo, isso não vai mudar o meu humor. Hoje depois de muito tempo, vou ver a Yuu-chan! Combinamos de nos encontrar em um karaokê famoso, onde a Acchan reservou uma sala para a gente.

Pelo que me falaram, vai a Takamina, Mari-chan, Sae, Miichan, Acchan, Sayaka, Tomochin, Chiyuu, e a Yuko. Sorte minha que amanhã é folga, vou poder beber até cair! Mentira, eu sou fraca com álcool e se beber muito eu acabo dormindo e não vou aproveitar este encontro!

A Yuko depois de se graduar, me falou que tem tantos trabalhos para fazer, que já faz duas semanas que eu e ela não conversamos, e muito menos nos encontramos pessoalmente.

- Takamina? Você vai no karaokê, né? – falei no meu celular, enquanto escolhia uma roupa para ir.

- Oi Nyan nyan! Estou bem, muito obrigada por perguntar.

- Desculpa, desculpa! – falei enquanto ria.

- Tudo bem. – ouvi uma risada – Mas é claro que eu vou! Raramente conseguimos nos reunir para conversarmos tranquilamente.

- Isso é verdade, então vamos junto? Vou ligar para a Miichan, e nós nos encontramos na minha casa.

- Eu já estou aqui! – falou a Miichan, mas depois ouvi a Takamina falar algo e tomar o celular da mais nova – Daqui a meia hora estamos aí, se arrume logo!

- Sim senhora, Soukantoku! – falei colocando a mão na cabeça, fazendo uma pose que os policiais fazem.

- Nyan nyan, já falei que- – antes que a Takamina terminasse de falar, desliguei. Apesar de ela falar pra parar de chamar de gerente geral, eu sei que no fundo ela gosta!

- Claro que não vou demorar, vou me arrumar o mais rápido possível para poder me encontrar com a Yuko! – falei, mas depois comecei a ficar a vermelha – Hm, eh, quer dizer, com todos, sim! Faz tempo que não encontro a Acchan e a Tomochin...

Depois de secar o meu cabelo, fiquei escolhendo a roupa que iria ir, o que acabou levando bastante tempo, mas até as meninas chegarem deu tempo de me arrumar.

- O táxi já está nos esperando lá em baixo, vamos! – disse a Miichan puxando a gente.

Dentro do táxi, ficamos conversando sobre várias coisas, mas principalmente das meninas mais novas que estão fazendo sucesso. Enquanto a Miichan contava sobre elas para a Takamina, eu fiquei olhando os movimentos da rua enquanto cantarolava. As meninas perceberam e começaram a cantar em voz alta junto comigo.

- “Onna ga futari

Issho ni ireba

Yabai

Nanika okori sou” – cantávamos nós três.

- Hm... Scandalous ni Ikou? Mas está com saudades da Yuko mesmo, hein? – disse a Miichan sorrindo.

- Ah Miichan! Vai cuidar da Mari-chan, vai! – falei virando a cabeça para o lado.

- Na verdade é a Mariko-sama que cuida dela. – disse a Takamina sorrindo dando uma cotovelada na Miichan.

- Hm, na verdade é a Acchan que me cuida. – sorriu a Miichan, e a Takamina lançou um olhar mortal na mesma. Não aguentei e comecei a dar gargalhadas e as duas começaram a rir também.

Quando chegamos ao karaokê, encontramos a Sayaka e a Sae. A Miichan sorriu maliciosa e começou a zoar elas, enquanto Sae ria e dava tapas de leve no ombro da Miichan, a Sayaka ficou com o rosto virado para outro lado, mas deu pra ver que ela estava vermelha, apesar de já estar escuro. Pouco tempo depois chegou a Chiyuu sozinha, e decidimos entrar e esperar as outras dentro do karaokê.

- Uau, a Acchan alugou um bom lugar! – falou a Miichan andando na frente de todas.

Estava atrás das meninas com a Takamina, que estava falando alguma coisa para ela mesma, apenas sorri e fiquei pensando na Yuko. De repente senti uma mão no meu ombro e virei, na esperança de encontrar uma pessoa pequena com duas covinhas.

- Vocês duas estão com a cabeça na lua, é? A Acchan e a Yuko já vai chegar, elas me avisaram que iriam atrasar um pouco. – disse a Mariko. Apesar de não ter encontrado a pessoa que queria, fiquei muito feliz por ela ter chegado.

- Marikoooooo! – falou a Miichan, na verdade gritou e pulou no pescoço da coitada e ficou agarrada nela, com os braços cruzados, mas a Mari-chan parecia feliz, estranho... Será que as duas... Ah, deixa, prefiro esperar uma confirmação delas, como a Sae e a Sayaka ou Tomochin e Chiyuu fizeram...

Chegando na sala, que era bem grande, todas colocaram suas bolsas e casacos em um canto, e se espalharam nos vários sofás que tinham.

A Miichan e a Sae sentaram no meio do sofá de seis lugares, eu e a Takamina sentamos no mesmo sofá, ainda inquietas. A Mari-chan sentou em um sofá de dois lugares junto com a Sayaka, e a Chiyuu em outro sofá.

Enquanto a Miichan e a Sae escolhiam uma música para duelar, Mariko e a Sayaka conversavam sobre algum novo filme que iria lançar, a Chiyuu estava mexendo no celular, um pouco entediada. A Takamina levantou do lugar e foi pedir alguma coisa pra comer no telefone que ficava na sala.

- Quero uma garrafa de Coca-Cola e uma porção grande de batata frita... Sim... Isso, sala 08... Está bem, obrigada. – quando Takamina terminou de falar, a porta abriu – Nossa, mas essa foi rápi-

- Tsc, tsc, Bakamina, esqueceu das vodcas! – disse a Yuko sorrindo.

- Eu prefiro um vinho. – sorriu a Acchan entrando na sala, junto com a Yuko, que fechou a porta. A Yuko, Takamina, Sae e Sayaka ficaram conversando bem animadas em um canto, e a Acchan sentou ao meu lado.

- Não vai falar com a Takamina? – falei, olhando discretamente pra Yuu-chan, que ainda não tinha vindo até aqui me cumprimentar. Ela estava bem diferente, seu cabelo, suas roupas, mas ainda continuava com o mesmo sorriso.

- Na verdade ontem nos encontramos e... Bem, tivemos uma pequena briga. – sorriu a Acchan sem graça.

- A Bakamina é bem teimosa, mas espero que vocês consigam fazer as pazes logo!

- Obrigada Nyan nyan! – disse sorrindo, me dando um abraço, mas logo me soltou e olhou para cima. – Bom, vou lá falar com a Chiyuu, depois a gente conversamos.

Olhei para cima e a Yuko estava sorrindo um pouco sem jeito, e esperei ela me abraçar e começar a me beijar, mas ela me cumprimentou como uma pessoa normal faz.

- Hum, Nyan nyan, vou falar com a Miichan e a Mariko, depois eu volto...

- Tá... - está estranho, muito estranho!

Enquanto ficava pensando em todas as possibilidades de ter feito algo a ela, percebi que a Tomochin chegou e a Chiyuu ficou grudada na mesma, e a Acchan voltou a sentar do meu lado.

- Hm, Acchan, o que será que eu fiz? Eu estava tão ansiosa para vê-la e conversar, mas não era desse jeito! – disse triste.

- Você deve perguntar para ela depois, mas acredito que você não fez nada de errado! – disse Acchan, pegando em minhas mãos.

- Ei, vocês duas, parem de frescura e vamos beber! – disse a Mariko, trazendo dois copos de vodca para nós.

- Eh, é que eu sou fraca para essas coisas, você sabe Mari-chan!

- Idem – disse a Acchan, mas a Mariko colocou a vodca em nossas mãos e voltou para onde estava sentada, junto com a Yuko e a Takamina. Eu e a Acchan nos entre olhamos e concordamos, virando o copo de vodca.

Já era tarde, e a Chiyuu e a Tomochin foram embora juntas, e de relance, vi que as duas estavam de mãos dadas. Sorri e fiquei com um pouco de inveja, pensando na Yuko, que continuava a conversar com a Sae. Às vezes ela ficava me observando, mas quando eu a olhava ela desviava. A Acchan disse que acontecia o mesmo com a Takamina.

- Ne, Haruna, tenho certeza que nenhuma de nós duas fizemos algo de errado, então... Por que não as provocamos? – sorriu Acchan maliciosa, mas dava para ver que estava bem tonta.

- Hum, porque não? – falei, olhando para o lado, e vi que a Yuko e a Takamina nos olhou, e aproveitei essa chance, para empurrar a Acchan no sofá.

- Não pensei que a Nyan nyan pudesse ser agressiva. – ria a Acchan.

- Nunca fara isso no meu estado normal... Acchan, você deveria ver a cara da Takamina! – segurei o riso.

- Vamos mostrar para elas então, Haruna... – Acchan me pegou pela nuca, e beijou o canto da minha boca, mas de longe parecia ser um beijo de verdade, era de se esperar de uma atriz.

Logo em seguida, vi uma pessoa vir e pegar a Acchan e sair pra fora, olhei para o lado e a Yuko, estava com uma cara...

- Nyan nyan! O que foi aquilo? – disse a Yuko, pegando na minha mão, mas soltei na mesma hora.

- Você que é culpada de tudo isso. – virei o rosto para não encarar aqueles olhos castanhos. – Sabe, desde que você chegou, está muito estranha! Faz tanto tempo que não nos encontrávamos, então estava ansiosa para te ver... – pausei, segurando as lágrimas. - Mas quando chegou, você ficou grudada em outra pessoa e está muito diferente comigo!

- ... – ficou calada por um tempo. - Desculpa, depois de tanto tempo sem nos ver, não sabia como agir na frente de você, e pensei que deveria amadurecer e parar de ficar agarrada em você...

- Mas quem disse que era pra parar? Nunca disse que não gosto que você fica me agarrando e me beijando... – falei corada.

- Haruna... – Yuko finalmente sorriu, daquele jeito que só eu sei. – Fico feliz em saber disso! – disse entrelaçando os seus dedos no meu. – E está usando o nosso anel! – disse pegando na minha outra mão.

- Você também está usando... – sorri sem jeito, olhando o seu dedo anular, com um anel dourado bem delicado, o mesmo que o meu, já que compramos juntas.

Ficamos sorrindo e logo em seguida, Yuko se aproximou devagar e me beijou, mas muito diferente de como me beijava. Sua língua começou a pedir permissão, mas nem esperei e deixei, e ficamos beijando até sentir falta do ar e paramos, mas a Yuko continuou a me dar vários selinhos.

- V- Você sabe que esse foi meu primeiro beijo assim, né? – disse vermelha.

- Na verdade, não! Já te beijei assim quando estava bêbada uma vez. – sorriu de um jeito malicioso.

- Não acredito, Yuu-chan! – falei brava.

- Desculpa, mas você estava pedindo para eu fazer isso! – ria animada. – Nyan nyan, amanhã estou de folga... Posso dormir na sua casa?

- Ainda estou brava com aquilo que você disse, mas tudo bem... Sua escova e o pijama estão lá em casa. Mas o que vamos fazer com as meninas? – falei olhando em volta. A Sae e a Sayaka estavam dormindo de conchinha no chão, e a Miichan e a Mariko sumiram!

- Eu vou acordar a Sayaka, ela vai levar a Sae embora... Agora a Miichan e a Mariko vai saber – começou a rir - A Takamina e a Acchan com certeza não vão voltar! – disse Yuko, agachando e cutucando a Sayaka pra acordar.

Depois que certificamos que a Sayaka e a Sae foram embora, chamamos um táxi e voltamos para a minha casa.

O que aconteceu na minha casa depois, não vou entrar em detalhes! É um momento só meu e da Yuu-chan, mas com certeza foi uma noite inesquecível!

De manhã, acordei com o toque de mensagem, que era da Acchan, me dizendo que deu tudo certo e me perguntou o que aconteceu depois. Comecei a rir, e a Yuko acabou acordando.

- Bom dia Nyan nyan. – disse Yuko me dando um selinho.

- B- Bom dia, Yuu-chan. – falei vermelha, fazendo-a sorrir.

- Quem é?

- Ah, é a Acchan!

- Hm...

- Yuko, a Acchan tinha brigado com a Takamina, então decidimos fazer ciúmes em vocês duas, mas aconteceu nada de mais com ela, aquele beijo na verdade foi no canto da minha boca. – sorri apontando para a minha boca.

- Ahhhh, vou pegar aquela sádica! – disse Yuko bagunçando seu cabelo, mas a acalmei abraçando-a.

- Yuu-chan, eu... amo você!

- Eu te amo também, Haruna. – sorrimos e começamos a beijar, mas logo fiz parar, antes que eu não consiga me segurar. Yuko fez biquinho e comecei a dar gargalhadas.

Mais tarde, acabei não conseguindo segurar e ficamos juntinhas o dia inteiro! E esse foi o começo de um dos vários dias ao lado do meu esquilo!

Continua...

Menu                                                      Próximo Cap

Faça um comentário

Todo e qualquer comentário publicado neste blog não representa, necessariamente, a opinião do AKB48 Friends. Os comentários publicados através deste sistema são de exclusiva responsabilidade e autoria dos leitores que dele fizerem uso. O AKB48 Friends reserva-se, desde já, o direito de excluir comentários e textos que julgar ofensivos, difamatórios, caluniosos, preconceituosos ou de alguma forma prejudiciais a terceiros.

- Copyright © 2013 AKB48Friends - Powered by Blogger - Designed by Johanes Djogan - Adaptado por KaeKain -